28 de junho de 2009

Mais sobre "Comprando uma casa no Canadá"

8 .

Complementando a categoria Moradia

maison

Logo após postarmos Comprando uma casa no Canadá, li no blog Renata e Renato no Canadá um post bem informativo: Compramos uma casa.

Alí eles descrevem a aventura a que o título se refere. Eles contam entre outras coisas, que como compraram a casa na planta, puderam escolher praticamente tudo. O prazo de entrega foi cumprido a risca, e em média de oito meses receberam a casa novinha em folha! A casa ele garantem, ficou do jeitinho que queriam. Confiram então o post Compramos uma casa que traz além de informações úteis, curiosidades sobre a compra.

PS. Parabéns à eles também que muito em breve terão um baby para alegrar a casa nova. Aprovitem e vejam como foi a mudança, etc e tal em Expectativa para a chegada de Alicia.

 

Por hoje é só mes amis!

 

à bientôt

dea e juba

26 de junho de 2009

Agora as notícias boas

7 .

Vamos lá então sem delongas: Vou ser novamente titia:):):)

O casal Leandro e Louise (irmão e cunhada) estão grávidos pela primeira vez! Soubemos ontem, e estamos muito contentes com a notícia! Prometo que um dia coloco as fotos dos meus sobrinhos aqui (coruja eu?) E para completar nossa alegria, meu pai se recupera muito bem. Até me mandou o link de um site engraçado, rsrs. lembrancinha

Queria aproveitar e agradecer a todos os nossos amigos que deixaram mensagens aqui no blog, no Dihitt, e nos telefonaram com palavras de carinho, preocupação e solidariedade. Gente finíssima como diz o artigo da Marta Medeiros.

Gente fina é aquela que é tão especial que a gente nem percebe se é gorda, magra, velha, moça, loira, morena, alta ou baixa. Ela é gente fina, ou seja, está acima de qualquer classificação. Todos a querem por perto. Tem um astral leve, mas sabe aprofundar as questões quando necessário. É simpática, mas não bobalhona. É uma pessoa direita, mas não escravizada pelos certos e errados: sabe transgredir sem agredir. Gente fina é aquela que é generosa, mas não banana.
Te ajuda, mas permite que você cresça sozinho. Gente fina diz mais sim do que não, e faz isso naturalmente, não é para agradar. Gente fina se sente confortável em qualquer ambiente: num boteco de beira de estrada e num castelo no interior da Escócia. Gente fina não julga ninguém – tem opinião, apenas. Um novo começo de era, com gente fina, elegante e sincera. O que mais se pode querer? Gente fina não esnoba, não humilha, não trapaceia, não compete e, como o próprio nome diz, não engrossa. Não veio ao mundo pra colocar areia no projeto dos outros. Ela não pesa, mesmo sendo gorda, e não é leviana, mesmo sendo magra. Gente fina é que tinha que virar tendência. Porque, colocando na balança, é quem faz a diferença. (Martha Medeiros)

Abraços pessoal!

ps. preciso abrir um outro blog, porque este está ficando eclético demais, rsrsrsrs.

Pois é…

12 .

 ap_michael_jackson_trajetoria_f_029                                            

 

 

Não sou muito de ídolos, nem de stars do show business! Mas confesso que de Michael Jackson era mega fã! Ele foi absoluto em minha infância e adolescência! Na minha opinião o artista mais completo que já existiu.

 

A notícia de sua morte me pegou tão de surpresa, que não pude deixar de me expressar aqui no Juba e Dea, enquanto não tenho um blog mais apropriado para isso.

 

Tinha esperanças de vê-lo novamente cantando e dançando nos palcos com toda a sua criatividade e incrível talento. Que pena… Triste saber que não teremos mais algo tão genial por um bom tempo…

24 de junho de 2009

Comprando uma casa no Canadá

3 .

Juba em suas pesquisas, dá a dica do site do Banco Nacional do Canadá.

vasinhos

Exemplo do que você encontrará no site:

8 Passos para compra de uma primeira casa

Classifique a sua capacidade de endividamento
Determinar o seu pré-pagamento
Antecipe custos adicionais
Peça um empréstimo
Encontre seu imóvel
Faça o seu lance
Escolha a sua solução hipotecário
Tire as suas chaves!

Como sempre tudo bem explicado e exemplificado, como já comentamos em postagem anterior.

 

Veja muito mais lá: Compra, Venda, Hipoteca e Reforma de sua casa.

E não só isso, mas também: Contas e pacotes, Cartões de crédito MasterCard, Investimentos / RRSP, Empréstimos pessoais / Linhas de crédito, Seguros e outros.

 

Leia também:

 

Esperamos que seja útil.

abraços

Manual de dicas para brasileiros: Seu carro

1 .

Fast & Furious

foto de: Lazyousuf (Fast & Furious)


Você tem três maneiras de comprar carro: à vista, financiado pelo banco onde você tem conta, ou financiado pela própria concessionária. No caso de carro usado, o pagamento deverá ser sempre à vista. Pode-se, também, fazer leasing (locação a longo prazo): você escolhe o carro, e as mensalidades vão depender do valor da entrada e da duração do empréstimo (24, 36, 48 ou até 60 meses). O leasing costuma incluir a opção de compra do veículo ao final do prazo de locação, pelo valor residual. Cuidado com os contratos de compra e de locação a longo prazo. Somente assine depois de ter verificado todas as contas e de estar plenamente satisfeito. Para comprar ou fazer leasing de um carro novo a prazo, é preciso ter um histórico de crédito, o que normalmente toma pelo menos um ano, ou mais, de residência e trabalho (depende da instituição financiadora). Se você quer carro usado, veja os classificados. Há ofertas vantajosas, encontram-se boas oportunidades de negócio, mas cuidado, é bom examinar bem o automóvel ou levar a um mecânico de confiança. A ferrugem, por causa da neve e dos produtos usados para derreter o gelo, é um problema grave no Quebec. O estado da carroceria deve sempre ser verificado.

Estacionamento

Vale chamar a sua atenção para as regras de estacionamento em Montreal. Nas vias de maior movimento, as vagas geralmente são delimitadas por parquímetros, cujo preço por fração de hora varia de acordo com a área da cidade. Preste bastante atenção nas indicações sobre os horários em que é permitido estacionar e observe bem o tempo pago. Se o carro for guinchado, será cobrada taxa adicional de depósito. Nos bairros, o morador pode adquirir um adesivo que permite estacionar em áreas exclusivas para os residentes (à venda nos escritórios Accès Montréal).

O que já vimos:

Manual de dicas para brasileiros (parte I)

Manual de dicas para Brasileiros – Moradia

Manual de dicas para brasileiros: Educação no Québec

Manual de dicas para brasileiros – Transporte coletivo

Espie também:

 

Não percam a próxima dica: Carteira de motorista

18 de junho de 2009

Notícias direto de Londrina

9 .
Viagem, pai e família
Gente, este post é uma satisfação a todos os nossos queridos leitores que acompanham este blog.

Estou em Londrina (Dea) curtindo a família desde sexta passada. Juba veio comigo, mas voltou domingo (alguém tem que trabalhar).

O motivo de eu ter ficado aqui em Londrina (PR) foi porque meu pai sofreu um acidente exatamente no dia (quase que na mesma hora) em que saímos de Sampa para vir para cá, passar o feriado com a família e o aniversário de nossa sobrinha Gabriela.

Ele foi atropelado por uma moto e está se recuperando em casa. Bem, o sistema de saúde do Brasil é um caso a parte. Que o diga o meu irmão que cuidou de tudo!

Felizmente a motorista não estava correndo, senão teria sido bem pior. Depois do susto, estamos todos bem, graças à Deus! Mandarei mais notícias! Em breve estaremos atualizando o blog com novas postagens. Aguardem!

Abraços à todos e qualquer coisa deixem-nos uma mensagem aqui na caixa de comentários desta postagem, que estaremos respondendo-a com muita alegria!manuelaZM

ps. a imagem acima, peguei da pasta da minha sobrinha Manuela, de cinco anos :):)

à bientôt queridos amigos!
dea e juba

10 de junho de 2009

Manual de dicas para brasileiros – Transporte coletivo

3 .

Hoje a dica é de transporte coletivo em Montreal.

 

Montreal dispõe de eficiente sistema de transporte coletivo, em que linhas de ônibus e trens funcionam de maneira integrada.

manualMetrô-ônibus

Você pode comprar passe mensal, que lhe dá acesso ilimitado ao metrô e aos ônibus. O passe é vendido nas bilheterias do metrô e em diversos estabelecimentos, como farmácias, a partir do dia 20 de cada mês, e entra em vigor no dia primeiro do mês seguinte. Você também pode comprar bilhete unitário, ou cartela com seis tickets, que lhe dá direito ao uso do ticket-transferência, válido durante uma hora e meia em direção única. Se você pegar primeiro o metrô, retire o ticket-transferência na entrada, assim que passar na roleta, na caixa onde está escrito correspondence. Se você pegar primeiro o ônibus poderá solicitar o ticket ao motorista. Convém assinalar que o valor unitário da passagem é mais barato nas opções passe mensal e cartela com seis tickets.

 

Você pode solicitar mapas gratuitos da rede de metrô e ônibus nos guichês do metrô. Para saber sobre o trajeto e os horários de qualquer linha de ônibus, basta telefonar para AUTOBUS – 514-288-6287. A cada nova estação do ano, os horários de circulação são alterados. Folhetos gratuitos estão disponíveis nos veículos coletivos informando os novos horários. Na mesma época, é instalado um estande na estação Berri-UQAM do metrô, para distribuição de material informativo sobre os horários de todas as linhas da cidade.

O telefone para achados e perdidos é 514-280-4637.

 

Caso não tenha a planilha com os horários do ônibus, anote o número do TELBUS do ponto de ônibus mais próximo de sua casa. Quando você precisar saber o horário do próximo ônibus, ligue para esse número e uma secretária eletrônica vai-lhe dar informação sobre os 3 próximos horários.

 

Trem

Para os moradores de áreas mais afastadas do centro da cidade, uma ótima opção são os trens “de banlieue” que saem das estações Gare Centrale, Lucien-L’Allier e Vendôme (dependendo da destinação). O usuário de trem também pode adquirir um cartão mensal, integrado ao resto da rede de transporte urbano, ou pagar a passagem a cada viagem. Mais informações sobre trajetos, horários, tarifas e outros aspectos no sítio da Agence Metropolitaine du Transport: www.amt.qc.ca.

 

Leia também:

 

O que já vimos:

Manual de dicas para brasileiros (parte I)

Manual de dicas para Brasileiros – Moradia

Manual de dicas para brasileiros: Educação no Québec

9 de junho de 2009

Eles estão chegando!! Partiram ontem!

0 .

Nossos amigos partiram ontem. Estão chegando à Montreal por agora. Estamos contentes por eles!

OgAAALnvYFJ_VOaJ-_nP1W76qy8ZPKgDkRGB5t8v8eaD3qkxIJfEmkKaNLLYcmJmMj962JMu4YsEtw4jpphVa4fYzq0Am1T1UAbvQ3EZqOYRk8IO-nw4BlcGlIgp

Parabéns pela nova vida, Aninha e Lior! Recomeçar nunca é fácil. Se olharmos para o que deixamos, neste caso as pessoas, dá aquele aperto, uma dor que quase nos faz repensar… Mas se olharmos para o outro lado, bem o outro lado a gente já sabe!

Tenho certeza que valerá a pena! Imigrar não é para muitos não. A gente bem sabe disso. Mas estamos aí, no mesmo barco. E em breve mais próximos do que nunca!

Abraços queridos amigos, e vamos que vamos!

P.S. Eles não foram de camelo…rssrsrs (foto postada byJuba)

dea e juba

4 de junho de 2009

Calculadora de distância, datas, códigos de discagem, tempo e muito mais!

0 .

Quer saber a distância das cidades localizadas perto de Montreal?

 

Em time and date você obtém o cálculo exato. Apesar do nome já dizer que se trata de (um site de) cálculo de datas, esta ferramenta também calcula a distância das cidades perto de Montreal, o que achei de grande utilidade. Isto inclui além das cidades do Québec e Canadá, as cidades dos USA, que por sinal são a maioria em questão.  Clicando nos links das cidades, podemos ver também o tempo. Além das utilidades já citadas, existe também o cálculo de códigos para dicagem telefônica do mundo inteiro e muito mais!

Então salve esta útil ferramenta no melhor estilo 10 em 1.

Clique na imagem para ser redirecionado.

 20090604_122517_wwwtimeanddatecom_p_800

Manual de dicas para brasileiros: Educação no Québec

3 .

Antes de sair do Brasil, você ficou sabendo que o Canadá é um país bilíngüe. No Quebec, a língua francesa é oficial. Por isso, se você fala só inglês é melhor começar a estudar francês.

Informações gerais sobre o tema podem ser encontradas no sítio do Ministério de Educação do Quebec (http://www.meq.gouv.qc.ca).

manual

O ensino no Quebec

O sistema escolar compreende a educação pré-escolar, o ensino primário, o secundário, o colegial e o universitário.

A escola é obrigatória para todos, dos 6 aos 15 anos.

A educação pré-escolar, primária e secundária, é gratuita nas escolas do setor público. A administração das escolas públicas compete a comissões escolares, sob o controle do Ministério da Educação, que as financia e lhes determina a natureza dos serviços educativos. As escolas públicas são laicas.

 

A rede de ensino colegial constitui-se de CEGEPs (Collège d’Enseignement Général et Professionnel) ligados ao Ministério da Educação. Esta estrutura do ensino é uma particularidade da Província do Quebec. Nas outras províncias canadenses, o estudante que termina o curso secundário pode pleitear sua matrícula numa universidade imediatamente.

 

Os CEGEPs são instituições de ensino de nível intermediário, entre o secundário e o universitário. Oferecem dois tipos de programa:

a) pré-universitário: com duração de dois anos, após os quais o aluno entrará na universidade, onde se especializará;

b) técnico ou profissionalizante - com duração de três anos, após os quais o aluno se graduará como técnico em alguma especialidade.

 

Na sistemática canadense, o primeiro ano do CEGEP corresponde ao último ano do segundo grau. Dessa forma, o segundo ano do CEGEP corresponderia ao primeiro ano de um curso de nível superior. A possível equivalência com curso universitário no Brasil é determinada, caso a caso, pela universidade brasileira envolvida.

O ingresso no CEGEP somente é válido para os estudantes com idade correspondente ao seu nível escolar (entre 17 e 22 anos). Os interessados devem procurar o departamento para alunos estrangeiros das universidades, cujas informações também podem ser encontradas via Internet, como por exemplo o excelente guia criado pela Universidade Concórdia para estudantes estrangeiros (http://advocacy.concordia.ca/international).

 

Adulto: O governo do Quebec oferece curso de francês para o imigrante, que recebe bolsa para estudar, já que ele não pode trabalhar porque ainda não domina a língua francesa. O interessado deve procurar o Carrefour d’Integration (tel. (514) 864-9191, www.immigration-quebec.gouv.qc.ca ), e perguntar qual o Carrefour mais próximo de sua residência. Caso o imigrante possua nível superior, o Carrefour d’Integration possibilita acesso ao curso de francês em universidades. Existem também cursos particulares que ensinam idiomas, tais como: YMCA, universidades McGill, Concórdia, de Montreal e do Quebec em Montreal (UQAM), entre outros.

 

Se o imigrante fizer o curso do Carrefour d’Intégration em horário integral e não dominar o idioma francês em grau suficiente para conseguir um emprego, terá direito a receber bolsa. Se, apesar de não dominar a língua francesa, já estiver trabalhando, poderá fazer o curso em horário noturno, mas, neste caso, não terá direito a remuneração. É bom observar que esse curso tem como finalidade não só o ensino da língua francesa, mas também a integração do imigrante na comunidade montrealense. Se você não for imigrante, não terá direito aos serviços do Carrefour.

Para o adulto que ainda não teve oportunidade de completar seus estudos primários ou secundários, existe a possibilidade de fazê-lo por meio do Serviço de Educação para Adultos das escolas. O residente temporário também tem direito de usá-lo.

Os residentes temporários deverão solicitar, no mesmo telefone do Carrefour d’Intégration, uma entrevista para obter autorização para estudar no Quebec, denominada Certificado de Aceitação do Quebec (CAQ). Observe que tal documento só é emitido mediante apresentação da carta de aceitação da instituição de ensino do Quebec, devendo ser solicitado quando o interessado estiver no Quebec.

 

Abaixo estão os endereços de alguns dos centros de educação contínua das universidades onde são oferecidos cursos de línguas, bem como endereços dos Centros de Estudantes Internacionais:

McGill

Centre for Continuing Education

688 rue Sherbrooke Ouest, 3ème étage

Montreal, Q.C.

H3A 2R1

Tel: (514) 398-6160

Fax: (514) 398-2650

info@lan.mcgill.ca

www.mcgill.ca

McGill International Students’ Centre

e-mail: MISM@ssmu.mcgill.ca

Concordia University

Centre for Continuing Education

1600, St. Catherine Ouest

Montreal, QC

H3H 2S7

Tel: (514) 848-3600

fax: (514) 848-2806

www.concordia.ca

Concordia International Students’ Centre

1455, boul. De Maisonneuve Ouest

Montréal, QC

H3G 1M8

Tel: (514) 848 3515

Fax : (514) 848-3599

www.advocacy.concordia.ca/international

iso@alcor.concordia.ca

Université de Montréal

Faculté Education Permanente

C.P. 6128

Succursale Centre Ville

Montreal, Q.C.

H3C 3J7

Tel: (514) 343-6090

Fax: (514) 343-25304

www.fep.umontreal.ca

Centre d’Etudiants Internationaux de

l’Université de Montréal

www.umontreal.ca

Centre d’Etudiants Internationaux de

l’UQAM

Pavillon J.-A.-de Sève – Local 2250

Tel : (514) 987-3580

Fax : (514) 987-6620

www.uqam.ca

e-mail: SVC.accueil@uqam.ca

 

Criança: Filhos de família imigrante só poderão estudar em escola pública francesa. As crianças são colocadas numa classe comum a todos os imigrantes (classes d’accueil, divididas por idade), onde permanecem até atingir as habilidades mínimas de comunicação oral em francês e noções elementares de leitura e escrita, preparando-se, assim, para a escola de seu bairro.

Dependentes menores de residentes temporários não são obrigados a estudar em escola francesa. Necessitam, porém, de permissão para estudar em inglês, caso assim o prefiram. Essa permissão é dada pela English Montreal School Board ou pela Comission Scolaire de Montreal. Em geral, o pai ou responsável deve comparecer à Comissão escolar munido dos passaportes (o seu e o da criança) e respectivos vistos. Antes de inscrever seu filho, o residente temporário pode visitar as escolas de seu bairro e escolher aquela de sua preferência. Claro que pode ser uma escola de outro bairro, longe do seu, mas não se esqueça do inverno no Canadá: é mais seguro e cômodo que a escola seja próxima de sua casa, apesar de haver serviço gratuito de ônibus escolar, pois este somente atende a perímetro limitado ao redor da escola.

 

Após decidir-se pela escola, é necessário, para concretizar a matrícula, que o interessado vá a uma das Comissões Escolares, a fim de obter a autorização do Ministério de Educação para que seu filho possa ser matriculado. É neste momento que se obtém também a autorização para estudar em inglês, se for o caso.

Documentos necessários:

· certidão de nascimento;

· passaporte com visto válido ou comprovante de imigração;

· pagamento de taxa em espécie, que em alguns casos será devolvida posteriormente pela escola.

Para ser aceito:

· no pré-maternal, deve ter 4 anos antes de 1º de outubro;

· no maternal, deve ter 5 anos antes de 1º de outubro;

· no 1º ano, deve ter 6 anos antes de 1º de outubro.

 

Observação: O interessado pode também optar por escola da rede particular. O imigrante ou residente permanente que não tenha antecedentes de estudos em inglês só poderá inscrever seus filhos em escola francesa. Caso você opte por escola de ensino em língua inglesa, deverá obter autorização das autoridades competentes para efetivar a inscrição.

Endereços:

English Montreal School Board (www.emsb.ca)

6000 Fielding Avenue, room 121

Montreal, QC, H3X 1T4

tel: (514) 483-7200

Commission Scolaire de Montréal (www.csdm.qc.ca)

3737, Rue Sherbrooke Est

Montreal, QC, H1X 3B3

tel: (514) 596-6000

 

Leia também:

2 de junho de 2009

A grande revolução da alimentação

0 .

Ótimo vídeo-documentário realizado pela Radio-Canada-ca sobre as mudanças gastronômicas do Ocidente nos últimos 30 anos.

"La grande révolution de L'alimentation", é divido em 4 episódios do "Plat principal".

Révolution

Eis os vídeos de cada parte da série:

Os episódios são ágeis e permeados por textos descritivos como: Os momentos marcantes da revolução alimentar e Crônicas de trufas.

Em "Desserts", podemos anotar algumas receitas repassadas por grands chefs, como por exemplo a da famosa Poutine. Podemos ver ainda em Desserts/vídeos: Croquer la truffe, La guerre des céréales entre outros.

"Nossas escolhas nunca foram tão variadas. Nossa cozinha nunca foi tão apetitosa. Venha juntar-se a nós na grande revolução da alimentação, e prepare-se para uma festa dos sentidos." Alguns vídeos dos 4 episódios são destacados, antecipados de descrições, como o "Caçador de frutas", onde o Brasil é citado.

O estômago adverte: Recomenda-se não assistir os vídeos de barriga vazia.



Oriente-se na província do Québec

0 .

Se você está procurando um bom mapa, visite o MapQuest. Lá você achará rapidamente a região, cidade e rua que precisar. E não só isso, mas restaurantes, cinemas, hotéis,teatros,  cafeterias e muito mais. Basta digitar o que procura, ou ir clicando e arrastando a seta. Simples e prático.

mapa Québec