31 de maio de 2010

Susto tecnológico e fotinhas do Jardim Chinês

2 .
Ontem pensei que o blog tivesse ido pro espaço (ou saco) de vez. Mas hoje, tudo voltou ao normal, ou seja o blogspot continua perdido quanto ao real número de comentários, o meu antigo template continua sumido, vide a penúltima postagem. Mas dos males, o menor, quem entrou aqui ontem à noite, teve a infelicidade de ver o blog todo zuado. Tive um pequeno momento gelo. Tentei daqui, dali, invoquei o oráculo google, e naaada. Daí falei pro Juba: vou desencanar. Desliguei o micro e desencanei. Mas hoje, agora à pouco pensei, vou mexer um pouquinho nele pra ver se rola alguma coisa, e eis que tcharaaam. Consegui voltar para último templete que me restou. Ufaa!! Nunca pensei que ficaria tão aliviada em retornar à ele. Mesmo.

Mudando de pato pra ganço,
aproveito pra dizer que ainda ontem, todos os museus daqui de Montreal tiveram suas entradas gratuitas. E aqui há zilhões deles. Fomos ao Museu de Belas-Artes de Montreal. Ma-ra-vi-lho-so! Vimos taaanta coisa legal, mais taaanta. Imperdível. Registramos com algumas fotinhas. Vale voltar e pagar para visitá-lo sim senhor, e várias vezes.  Farei um post (zapt-zupt) sobre.Valeu muito a pena o passeio, por n motivos.

Bem, por hoje fico por aqui. Deixo algumas fotinhas do Jardim Chinês (Jardim Botânico) de minha caminhada de hoje. Simplesmente indescritível. De chorar de tão lindo!
































-- Post From My iPhone
(reeditado no Blogsdpot às 21hs44)

29 de maio de 2010

Bendita tecnologia que às vezes... nos deixa na mão

2 .


Postagem rápida sobre o blog.

Estou mudando o template do nosso lindão e tive alguns probleminhas:


1- Os números de comentários (antigos) estão aparecendo"0."(zero), na página principal.  Ou seja, é como se não tivesse nenhum comentário mesmo tendo. Mas (felizmente) eles estão lá quando você clica para lê-los. Somente os da última (penultima) postagem pra frente (assim espero) aparecem a quantidade exata  de comentários. Tomara volte ao normal.

2- O outra problema é corrigível. - está faltando muitos dos Blogues que lemos" em nossa lista. Simplesmente não sei para onde eles foram com a mudanca. Aparece somente a primeira sequência de blogs da lista que tinhamos.

3- Tivemos muitos problemas com a caixa de comentários anterior (js-kit), apesar dela ser super incrementada e tal. Muitas pessoas reclamaram da coitada e com razão. E não é que ela sumiu? Não sei se isso contribuiu para as falhas citadas no item 1 (provavelmente sim), mas em todo caso... Agora voltou a velha e funcional (?) caixa do blogspot, que todos conhecem de cor!

4- e a última, pra piorar tudo, não sei por que "cargas d`água" o template antigo não foi salvo. Ou melhor, o antigo foi subsituido pelo novo e "c est fini". Gentém, fiz tudo direitinho tá. Coloquei  um nome diferente, pedi pra salvar no lugar tal, etc, etc.

Bom, tenhamos paciência, que o melhor será feito. E "o que não tem remédio, remediado está".

Aproveitem e  leiam nossa última postagem sobre o nosso dia a dia aqui em Montreal e comentem, pois  já estávamos morreeeendo de saudades de todos! Ah, e não deixem de colocar o link do blog de vocês (quem tiver, claro) para podermos visitá-los.

então abracos, e à bientôt!

dea e juba

27 de maio de 2010

Quem é vivo...

8 .
Olá pessoal! Há muito tempo que não publico nada por aqui. Aliás, põe tempo nisso! Espero que todos estejam bem.

Um pouco do nosso dia a dia

Eu e Juba estamos na rotina de estudo. Fazemos a francisação; ele numa escola, eu em outra. Estamos bem e gostando da experiência.

Nosso dia a dia é simples, e o dia passa rápido. Eu fico querendo mais umas 2 horas.

Estamos morando em frente ao complexo Parc Olympique (onde se encontra a torre Pisa) /Jardim Botânico/Biodôme/ /Iynsectarium. Ver "Cultura e lazer em Montreal". É simplesmente maravilhoso. Nesta semana, fazendo uma caminhada por alí, tirei umas fotos que não fazem jus à beleza do lugar, pois a câmera é a do iPhone. Mas dá pra se ter uma idéia. As fotinhas estão logo abaixo da postagem, e são de uma pequena parte do Jardim Botânico que é a parte mais próxima do nosso ap.

Bem, em nossa última postagem, não falamos de nós, por isso imagino que muitos não sabiam dos estudos. A francisação é uma oportunidade de conhecermos pessoas do mundo inteiro, além de estudar a língua francófona e a cultura quebecois. Fazemos o curso integral, das 8hs35min às 16hs, com pausas no decorrer da jornada. 

 Dia 26 (ontem) fez 4 meses que colocamos os pés aqui em nossa nova terra de habitat. No primeiro mês tiramos toda a documentação. Na verdade, na primeira semana tiramos a maior parte. Hoje já estamos mais que tranquilos, com uma vida de verdadeiros cidadãos imigrantes.

Há muito a dizer sobre os passos que demos assim que chegamos aqui, o que vem antes, depois, dicas e nossas experiências de como funcionam as coisas por aqui.

Espero aos pouquinhos por o papo em dia. Vocês estavam a pensar por onde andava esse digníssimo casal aqui não? Pois cá estamos!

Sempre nos perguntam com está sendo a nossa adaptação e sempre dizemos a mesma coisa: Muito fácil. Bem, os "micos" fica para outra hora ok?

Atualmente o calor aqui está demaaais. Todo mundo comprando ar-condicionado. Aliás, o Wall Mart está com uma super promoção: 89$ + tx.

Siiiimm,
estamos muito contentes pelo Manuel e a Sabrina que acabaram de chegar, e por todos os que estão com um pé no Brasil e outro aqui, como o Rô e a Fê e a Gláucia.

Temos mais novidades mas essas ficarão para um outro post. Uma delas é sobre o blog. Em breve ele estará de cara nova! Ou seja, estamos de volta! 

beijos cheios de saudades à todos et à bientôt.
dea e juba

(clicar nas fotos para aumentá-las)













-- Post From My iPhone

19 de fevereiro de 2010

Os doidos que Montreal inclui

15 .
Isso mesmo, aqui, os doidos, pirados, são tratados como pessoas (quase) "normais", com respeito; como todos devem ser. Não são excluídos da sociedade. Claro que os perigosos não ficam soltos. Mas os que não oferecem risco à população, ficam livres e em todos os lugares eles estão. Entre esses piradões, e aí os níveis são de levemente doidos a doidões de pedra, estão os que assim ficaram por causa das drogas, e estes não são poucos. E sim, existem aqueles que já nasceram com alguma desordem psiquiátrica ou a adquiriram por alguma outra razão.

Nunca vi tantos!

Ontem mesmo no metrô, tinha uma mulher piradíssima no modo de se vestir e de se portar. Não que as pessoas se vistam todas certinhas aqui. Não e não. Quem mora aqui sabe bem: cada um vive como quer e ninguém tem nada com isso. Ninguém mesmo ficará te olhando ou achando estranho se você resolver sair com uma melancia na cabeça, vestindo uniforme militar e cantando o Hino Nacional do Brasil em chinês.

Mas voltando ao assunto; deixando de lado então suas vestimentas, a pessoa em questão também carregava a fisionomia de muito drogada, além de mal conseguir parar em pé. Chegou pedindo informação sobre como ela fazia para ir em tal lugar e alguns, incluindo eu, realmente não sabiam, mas pensavam e diziam algo que pudesse ajudá-la. Ela virava-se, sentava-se, levantava-se. Postou-se rapidamente em pé, frente a uma senhora que estava sentada ao meu lado, e fez novamente a pergunta, enquanto tentava se manter ereta. Por fim, essa sabia e foi lhe dando as coordenadas. Depois de questionar e concordar, virou-se "tout à coup" e foi-se embora


Um outro de cabelo como quem tomou um choque de desenho animado, no shopping, vi desde longe, em cada mesa que se aproximava, dava um giro em volta de si, parava e dizia algo. Assim fazia até chegar a mim, que já estava com vontade de rir, mas me segurei. Isso presenciei no primeiro dia em Montreal. Tem aqueles que já são figuras carimbadas, como a de uma senhora que se veste com traje social, com direito a bolsa de mão. Discreta e com fala distinta, vive a pedir dinheiro. Mas nada, em nenhum desses casos, que te deixe incomodado ou acabe com o seu sossego, como diria alguns brasileiros. Como já disse, ninguém pára o que está fazendo para se escandalizar ou se incomodar com o outro. E estes, os que possuem algum problema mental, por sua vez, também não vão ficar te apurrinhando. Eles vivem relativamente tranquilos, pois não se sentem ameaçados. Mais fácil são os "normais" te encherem o saco.


Essas são algumas das muitas histórias diárias, absolutamente normais (sem aspas) por aqui. O que já me disseram, é que o mesmo direito que nós, imigrantes ou cidadãos canadenses temos de trabalhar aqui ou em qualquer outra cidade, eles tem de ir e vir. E ponto final. Eu aprovo. E você o que acha disso? Concorda ou sem corda?

"Se me apetece rir de um louco, não preciso de ir procurar muito longe; rio de mim mesmo."

Séneca

18 de fevereiro de 2010

Sábado de sol com amigos!

1 .
Pessoal, atualizacao rapidinha.

Sábado (13) tivemos um dia muito gostoso na companhia do casal de amigos finíssimos Ricardo e Rosângela do Ri e Ro - Agora direto de Laval. Foi muito bom tudo! E a Elizângela que aparece na foto que vocês verao, é nossa atual vizinha de prédio, e ontem batemos um papinho no corredor; eu, ela, seu digníssimo e o Juba. Nós brasileiros nao perdemos uma oportunidade, rsrsrs. Como disse a Rosângela, o Ricardo e o Marcelo, gente muitíssimo boa. Verdadeiramente. Juba falou que eles tem blog, entao, assim que tiver o endereco dele posto aqui.

Vejam o post desse dia: Sábado de sol. Adoramos que eles tenham postado a respeito!
Atualizarei sobre esse dia aqui no jubaedea, mas agora tenho que irrrr.

fuuuiii

17 de fevereiro de 2010

Recadinhos

2 .
Olá pessoal,
passando rapidinho para dar um alô, diretamente da biblioteca de Montreal. Adoro isso tudo! Se pudesse, dormia aqui, rsrs.

Vamos lá:
  • Estou, a medida do possível, respondendo os comentários, na própria caixa de comentários de cada post do jubaedea. Seria interessante também vocês deixarem alguma forma de contato, como o endereco do seu blog por exemplo. Na prórpia caixa de comentários têm lugar próprio para isso. Assim poderemos visitá-los e/ou mantermos contato. Difícil mesmo sao as pessoas que "nao" preenchem o campo "nome", e conversam como velhos e bons amigos. Alguns "suponho" quem sejam, outros, fico quebrando a cabeca e nada, rsrs.
  • Bom, por falar nissso, parece que a caixa de comentários voltou a funcionar "para todos", ufaa. Vamos ver se vinga. Se alguém ainda nao estiver conseguindo deixar mensagem, manda um email pra gente (jubaedea@gmail.com). Daí eu mudo tudo isso aqui. Comigo é assim! rsrs. Aliás, quando for possível, quero mudar um pouquinho a cara do blog. 
Bom gente, deixe-me ir, preciso andar, lára laiá... Vou, mas volto!
Espero em breve atualizar o nosso timeline, com fotos e tudo!
  • ps. desculpem a falta (ainda) de alguns acentos. É que cada micro que pego, o teclado tá configurado de uma forma, e nao tenho tempo hábil (e saco, sejamos sinceros) de aprender como usá-lo.
beijos à todos.